Modernidade e Ousadia: Sta Paz por Ana Glafira

20:59



Modernidade e Ousadia, assim defino o trabalho da designer Ana Glafira responsável pela maravilhosa grife Sta Paz. O trabalho de Ana é caracterizado pela criação de semi-jóias e bio-jóias para mulheres que gostam de peças únicas, exuberantes e com uma pitada de ousadia.

''O perfil da mulher que usa os acessórios Sta Paz pode variar. Ou seja, até mesmo aquela mulher que anda toda tatuada pode gostar e usar os acessórios da Sta paz.''

A grife está no mercado há sete anos, sempre trazendo peças que segundo Ana trazem inspiração da História da Arte.

''A inspiração vem da história da arte. Eu vou para o Design com minha carga e informações da história da arte...''




Ao perguntá-la se  sempre pensou em ser designer, Ana respondeu rapidamente que ''não'', mas que de certa maneira o Design está em seu DNA.

"Não pensava em ser designer, mas já era desde criança (risos). Sempre foi algo muito natural nas coisas que eu fazia. Sem ter nenhuma influência por perto na família. Durante a minha adolescência, eu customizava camisetas, bordava...''


As críticas ao trabalho de Ana são sempre ótimas. o desfile da Sta Paz foi considerado por muitos jornalistas o melhor da última edição da Trend House, semana de moda alagoana.

''A minha reação é sempre de muita alegria, pois  sempre  recebo boas críticas ao meu trabalho.  De certa forma é um diálogo, pois estou falando através de uma roupa, de um acessório e as pessoas traduzem e entendem da sua forma o que estou propondo ali...''



Algumas perguntas pessoais:

Quais os teus maiores ícones da moda?

Vivienne Westwood, Ronaldo Fraga, Coco Chanel, Yves Saint Laurent, Karl Lagerfeld, Lino Villaventura, John Galliano, Jean-Paul Gaultier, Alexandre Herchcovitch.

Um livro?

A Crise do Passado – Modernidade / Vanguardas / Metamodernidade . De Philadelpho Menezes. Ed. Experimento – São Paulo/SP 

Uma música?

Bye, bye Brasil – Chico Buarque

Uma frase?

“Com  o ensinamento, aprendemos a olhar com o olho correto a cada momento, aprendemos a olhar a impermanência. O olho incorreto vê tudo como estável.” Lama Padma Samten

Campo ou Cidade?

Campo

Se pudesse voltar no tempo, para qual década voltaria?

Voltaria para 6000 anos atrás... ou para a de 70!

You Might Also Like

0 comentários

Postagens populares

Alagoas Fashion no Facebook!

Atenção

Muitas das imagens contidas neste blog vem de fontes
diversas, e muitas não autorizadas.. Se alguma foto de sua autoria estiver neste blog e você desejar sua remoção, entre em contato pelo e-mail: alagoasfashion@gmail.com .

Atenciosamente, Equipe Alagoas Fashion.

Subscribe